Faça sua simulação de Financiamento.

Escolha abaixo uma das opções:

Saiba quais os produtos indicados para você, de acordo com suas necessidades:

Escolha o Estado desejado e confira os representantes disponíveis:

Confira a presença da FERRI no mundo:

 
Fechar Bloco x
27/03/2017

Evento Mulher, inédito na feira, marca o último dia da 29ª Super Rio Expofood.

O último dia da 29ª Super Rio Expofood teve início com uma das maiores novidades da feira para este ano: o Evento Mulher. O painel, focado em temas de interesse do universo feminino, teve início às 13h30 com a palestra de Andrea Cunha, empresária fundadora do Deli Delícia. Andrea falou de sua experiência no Prezunic, e como foi iniciar um novo modelo de negócios em um ambiente extremamente masculino.

“O ambiente é muito masculino, mas não é machista. Se puder deixar algo para as mulheres deste segmento aqui presentes, é para sempre cuidar da delicadeza, não se deixar endurecer. As mulheres tem características muito diferentes dos homens, temos que usar isso. Já que estamos utilizando este evento para buscar novos rumos dentro da economia do momento, que a gente construa um novo ambiente dentro de nossas lojas e empresas”, disse Andrea durante sua palestra.

Ela foi seguida pelo depoimento de uma das expoentes na luta pelo direito das mulheres no Brasil, a farmacêutica Maria da Penha, que lutou para que seu agressor viesse a ser condenado, e que dá nome à Lei Maria da Penha número 11.340. Maria contou sua história e os desdobramentos positivos que seu sacrifício na luta por justiça trouxeram para a legislação nacional. Ela terminou sua fala aplaudida de pé por todos presentes na auditório.

“Tudo o que passei, toda minha luta, é para que homens e mulheres, juntos, trabalhem para que a lei seja aplicada nas futuras gerações. Que suas filhas e netas não passem por situações semelhantes. É preciso reconstruir uma cultura a partir da educação!” Concluiu Maria da Penha.

O Evento Mulher terminou em clima de muita emoção. Dona Ilaídes Padilha, mãe do goleiro Danilo da Chapecoense, morto em um acidente de avião no final de 2016, foi homenageada como símbolo da força feminina. Ela, que ficou conhecida ao reconfortar um jornalista ao vivo, no momento de maior dor pessoal dela, foi homenageada pela ASSERJ com uma placa entregue por Silvia Crivella (primeira dama da cidade do Rio de Janeiro), Amanda Pinto (Gerente de Marketing da Granja Mantiqueira), Andrea Cunha (CEO da Deli Delícia) e Roberta Lazzoli (Gerente de Segurança Alimentar do Zona Sul). No fim, deu um discurso de coração, comovendo todos os presentes.

“Agradeço ao convite e à homenagem. Foi muito difícil passar por essa perda, mas prometi que o trabalho do Danilo não seria em vão, nem sua memória esquecida. Meu filho não morreu, está vivo dentro de mim. É até difícil falar, mas aquele abraço, aquele gesto, foi espontâneo”, Ilaídes contou emocionada.

Tag: #feiras e eventos

Workshop sobre marca própria sugere novos rumos para o segmento supermercadista.